Mar 19, 2010

10 dedos de espanto

A senhora tão bem vestida tão dona de casa tão saida do cabelereiro compra laranjas. Emilia compra laranjas. Apalpam juntas, criteriosas. A senhora de repente sorri : "é que de vez em quando ao meio do dia o que apetece é mesmo uma laranja. Aquele doce..." E a boca dela torce um pouco, para dar a ver o ácido também, que faz o prazer deste doce. Ela que de certeza só abre a casa à familiares, e mesmo assim com antecedência, tão escancarrada.

No comments:

Post a Comment

Post a Comment